Como Se Chama a Roupa de Batismo?

Atualmente, alguns padrões destinados aos trajes de batismo já foram quebrados, dando liberdade para vocês, mamães, vestirem seus pequenos da maneira que preferirem, abusando dos lacinhos e vestidos se caso seu bebê for uma menininha, e blusinhas e calças/shorts no estilo mais social se for um menininho.

Algumas famílias mais tradicionais ainda optam pelo uso dos trajes antigos em seus bebês no momento do batismo. A maioria das pessoas que seguem o catolicismo há muito tempo já virão muito esta veste, mas provavelmente ainda tem mamães que não sabem muito sobre esses trajes tão procurados nos tempos antigos. Por isso, trouxemos alguns tópicos detalhados sobre esse traje tão zelado no período de batismos antigos e ainda preservado por algumas famílias mais conservadoras: o mandrião.

 Afinal, o que é um mandrião?

Antes de dizermos diretamente sobre o traje, vamos saber um pouquinho sobre o início do seu uso?

Algo muito interessante de saber sobre o mandrião, é saber que o primeiro foi concebido a filha da rainha Vitória, a soberana, no ano de 1841. E foi a partir desse momento que o uso do traje se tornou tradição nos batismos dos bebês.

 O mandrião em si é uma longa veste semelhante a um vestido, basicamente uma camisolinha infantil, o qual é unissex e é mais comum de encontra-lo na cor branco ou Off-White, mas também pode-se encontrar tonalidades pastéis quase inexistentes no tecido, e se você for aquela mamãe que não quer fugir do tradicional, mas quer dar um toque especial na veste, alguns mandriões em minoria podem ser encontrados nas tonalidades azul-bebê e até rosa-bebê.

Por que tem nomes de bebês na borda do mandrião?

Como tradição, os mandriões possuem nomes em sua barra como registro dos bebês que já o vestiu, simbolizando a continuidade da tradição para uma nova geração. Então, não se intrigue quando for em algum batizado e ver um bebê vestido com o mandrião bordado com dois ou três nomes na barra, ok? Isso é algo muito comum e completamente normal, pois, como já citamos anteriormente, o traje passa por vários bebês da família, então pode sim ter o nome dos pais e até, talvez, dos avós bordados na barra. E sinceramente, isso é algo muito emocionante! O coração até palpitar forte ao pensar em ver seu nome bordado na mesma veste em que seu filho está sendo batizado, não é mesmo!

Qual melhor cor escolher para o mandrião?

A cor mais indicada para o mandrião é o branco ou Off-White, algo que não foge do tradicional e complementa ainda mais no ar puro e delicado que seu pequeno possui. Nós citamos nos tópicos acima algumas diversidades de opções referente a coloração do mandrião, mas o comum e mais aconselhável é o branco tradicional no momento do batismo do seu filho. Mas é claro que se você quiser utilizar algum mandrião que foi usado por você ou até pela sua própria mãe no batismo dela e for de uma tonalidade um pouco diferente, fique tranquila, não há problema algum! Afinal, o importante é que seu filho realize esse evento tão especial e único, seja com mandrião tradicional ou um pouco mais moderno.

Saber sobre essa tão famosa veste realmente é algo muito bacana, principalmente depois de saber um pouquinho sobre sua representatividade, não é mesmo? Pois então, sinta-se à vontade para procura-lo na casa de sua mãe ou avó, pois, com certeza elas guardam algum mandrião dentro de um lugar bem especial no guarda-roupa como lembrança, e será muito emocionante usá-lo no seu pequeno dando continuidade a essa tradição!

Se você gosta de opções mais tradicionais temos aqui também.

WhatsApp chat