Filtrar

Filtros ativos

Exibindo todos 4 resultados

Em até 6x de R$49,98 Sem juros

Em até 6x de R$49,98 Sem juros

Em até 6x de R$48,32 Sem juros

Em até 6x de R$44,98 Sem juros


O que é mandrião de batizado?


A roupa Mandrião de batizado é a roupa mais antiga e tradicional para batizado . Em alguns países, a maioria dos padres ainda fazem questão do uso do mandrião para um batizado. A peça normalmente é branca para simbolizar a ligação entre o Recém-nascido e o Sagrado.

Como usar o mandrião?


O Mandrião é como um vestido cobrindo toda a criança, muitas famílias tem o mandrião como tradição, e é passado para todos os irmãos da família. Alguns guardam e usam para filhos e netos. Segundo a tradição, deve-se ainda bordar o nome de cada bebê que o usou no forro do vestido.

Porque batizar com Mandriao?


O mandrião é a vestimenta mais tradicional nas cerimônias de batizado. A peça lembra um vestido, mas é, na verdade, uma camisolinha unissex.A tradição do uso dessa peça surgiu em 1841, quando a rainha Vitória, soberana da Inglaterra, batizou sua filha com um modelo de mandrião.

Como deve ser a roupa do batizado?


A tradição católica dita que, no momento da cerimônia do batizado, a criança deve estar vestida com mandrião — um modelo similar a um vestido branco e que contém rendas, bordados e um chapéu touca. Geralmente, a peça é herdada de familiares do pai ou mãe e deve ser usado até um ano de idade do filho

Para que serve a toalha de batismo?


Além de ser um item essencial para o Batizado, pois serve para secar a cabecinha do bebê durante a cerimônia, nossa Toalha para Batizado com bordado e detalhes de renda na barra, fazem dela uma peça especial, para ser guardada como lembrança desse lindo momento!

Que tipo é a renda Renascença?


A renda renascença é um tipo de renda de agulha e embora seja produzida a partir de materiais simples, sua técnica requer muita precisão. Sua confecção exige paciência, habilidade e certa maestria no processo de criação.

O que é renda de renascença?
A renda renascença surgiu entre os séculos XV e XVI, tendo consagrando-se como símbolo artesanal italiano e com destaque para aplicação nos trajes masculinos. Henrique II, rei da França, a usou excessivamente na composição de fraise, um colarinho rígido e plissado, para ocultar uma cicatriz no pescoço.


Onde encontrar mandrião?


Mandriao | auhekids.com.br

WhatsApp chat